• Estava com Saudade de Ti – Eliana Ribeiro
  • Que Santidade de Vida – Mons. Jonas
  • Adeus Ano Velho Feliz Ano Novo
  • NOSSA MISSÃO / ADRIANA ARYDES
  • DAI-ME FORÇAS / Banda Chama

Mês de Maria, na Catedral

Postado por Pe Moacir Ramos Nogueira em 12/jun/2017 - Sem Comentários

Homenagear Nossa Senhora é expressar o nosso carinho e o nosso amor Àquela que guardou em seu ventre a salvação da humanidade.

Assim, encerramos as nossas festividade do mês de Maria, que durante todo o mês fizemos as nossas coroações, elevando à nossa Mãe os nossos pedidos de oração, através de nossas crianças puras, inocentes e simples que cantaram os louvores à Mãe de Jesus.

A participação da comunidade paroquial foi indispensável para o sucesso durante todo o mês de maio.

Padre Moacir, nosso pároco, devoto de Nossa Senhora, foi incansável, batalhador e incentivador das crianças, animando-as todas as noites colaborando para o sucesso das coroações.

No Ano Mariano Nacional e das Famílias quando comemoramos os 300 anos de bênçãos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida e os 100 anos das aparições de Fátima, nossas crianças da catequese prestaram à Mamãe do Céu as referências da qual Ela é merecedora.

As magníficas coroações de todos os festeiros chamaram a atenção na escolha dos cantos e temas atuais. Mostrando o esplendor das coroações, as crianças vestiam de Nossa Senhora e faziam a entrada dos anjos com pompa e circunstância para enaltecer e engrandecer Maria, nossa Mãe.

Agradecemos a todos os festeiros que souberam partilhar conosco o nosso convite. As crianças pela expressiva participação. Aos pais o nosso agradecimento pela compreensão e contamos com todos no próximo ano. A equipe de coroação foi imprescindível todas as noites com sua criatividade. Ao nosso pároco, agradecemos pela disponibilidade. A equipe das barraquinhas pela grande participação, levando a alegria aos festeiros durante o mês de Maio.

O encerramento no dia 28 de maio quando Nossa Senhora de Lourdes saiu da casa de uma paroquiana ao som da Banda Música Santa Cecília e sobre os ombros dos atiradores do Tiro de Guerra foi recepcionada na Catedral de São João Batista, onde Nossa Senhora foi coroada e homenageada na voz do cantor Agnaldo Timóteo.

Momentos de louvor e espiritualidade e as constantes bênçãos durante o mês demonstram a presença de Nossa Senhora em nosso meio e podemos proclamar que Ela é nossa Mãe e Rainha.

Que Nossa Senhora, Nossa Mãe e Rainha nos acompanhe com seu amor maternal e a Ela pedimos a sua bênção, e que proteja nosso pároco, nossas crianças e a nossa comunidade paroquial.

Dora Bomfim Pereira do Vale