• Estava com Saudade de Ti – Eliana Ribeiro
  • Que Santidade de Vida – Mons. Jonas
  • Adeus Ano Velho Feliz Ano Novo
  • NOSSA MISSÃO / ADRIANA ARYDES
  • DAI-ME FORÇAS / Banda Chama

Semana Santa em Caratinga: Verdadeira Manifestação de Fé e Piedade!

Postado por Pe Moacir Ramos Nogueira em 17/abr/2017 - Sem Comentários

As Paróquias da Catedral de São João Batista, Nossa Senhora da Conceição e Santuário da Adoração Perpétua reuniram para celebrarem a Semana Santa. Iniciaram com a procissão do Domingo de Ramos, lembrando a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém. Após a bênção dos ramos, um grande número de fiéis em procissão vieram participar da missa campal em frente a Catedral, celebrada  pelo bispo diocesano Dom Emanuel Messias de Oliveira e os párocos padres Moacir, Marlone e Toninho e o vigário Valcy.


Durante a semana as missas na Catedral e as procissões de depósito Senhor dos Passos / Santuário,  depósito Nossa Senhora das Dores / Matriz Nossa Senhora da Conceição, procissão de Encontro / Catedral. O sermão foi proferido por Frei Wilson, OCD, emocionou a todos que puderam refletir e sentir o sofrimento de uma mãe ao ver seu filho torturado pelos algozes. Todas as procissões percorreram um longo trajeto, iluminadas pelas velas dos fiéis acompanhantes demonstravam a fé, a piedade, o amor a Deus e lembravam o respeito à Mãe de Deus.


Na quarta-feira a celebração da Missa dos Enfermos com a Unção para os doentes, e, ao mesmo tempo os sacerdotes atendiam as confissões.

No Santuário foi celebrada a Missa do Crisma e da Unidade Diocesana presidida por Dom Emanuel Messias de Oliveira e a presença dos sacerdotes da diocese. A brilhante homilia de nosso bispo que saúda e exalta os sacerdotes e os agradece pela fidelidade, colaboração,lembrando a todos a grandeza da instituição da Eucaristia, o presente que nos foi dado por Jesus que tanto nos ama e constituiu assim o sacerdócio.

Tríduo Pascal – A Missa da Ceia do Senhor e Lava-pés ( onde foram incluídas mulheres para lembrar que Nossa Senhora foi a discípula por excelência),  logo após a Trasladação do Santíssimo Sacramento e a Vigília e Adoração a Jesus Sacramentado.


Na sexta-feira da Paixão do Senhor a caminhada penitencial com a Via-Sacra, trazendo à memória a “Via Crucis” , da Catedral à Igreja do Divino Pai Eterno. Longa distância, verdadeiro sacrifício para meditar a paixão e morte de Nosso Senhor Jesus Cristo. Às 15 horas a Ação Litúrgica presidida por Dom Emanuel quando fez a Oração Universal, Adoração de Cristo na Cruz, momento de piedade, meditação e silêncio. O coral São João Batista se apresentou cantando “O’ Fronte Ensanguentada” , recordando o sofrimento e as dores de Jesus, antes da meditação das sete palavras de Jesus na Cruz. Devido a copiosa chuva que caía em forma de bênçãos, a Procissão da Esperança com a imagem do Senhor morto, realizou-se dentro da Catedral.

A Vigília Pascal, com a Celebração da Luz se deu com a Bênção do Fogo e a Proclamação da Páscoa cantando o “Exulte de alegria”, seguindo as leituras do AT e NT, proclamou-se a Ressurreição de Jesus.

Concluindo a Semana Santa, a belíssima procissão do Triunfo de Nossa Senhora e Jesus Ressuscitado com a missa campal na porta da Catedral. Após a missa a grande confraternização dos paroquianos para a alegria de todos os os votos de Feliz Páscoa.

Que todos sejam abençoados e tenham a coragem de seguir Jesus nesta caminhada de amor e fraternidade, porque  “Tudo é dom, tudo é graça e tudo é bênção de Deus.”.

Dora Bomfim Pereira do Vale